• Admin

3 ações fundamentais para fazer no início do ano na sua clinica

Comece o ano com um bom planejamento na sua clinica
Comece o ano com um bom planejamento na sua clinica

Nesse momento em que o ano mal começou muitos profissionais de saúde curtem o merecido descanso na praia, no campo ou mesmo em casa.


O momento é propício para recuperar as energias e se preparar para mais um ano de trabalho.


Nesse período surgem algumas relfexões: Como será o ano de 2022? Será que a ecnonomia vai voltar a crescer? A a política? Quem será o próximo presidente? A pandemia vai acabar de vez ou vamos ter que aprender a conviver com esse "novo normal"?


Afinal, fatores de ordem macroeconômica como política e economia afetam diretamente o dia a dia das empresas de todos os segmentos.


Se existe mais dinheiro e confiança circulando no mercado maiores são as chances de uma clinica atrair mais pacientes.


O contrário também é verdadeiro. Caos na economia gera paralisia e as pessoas tendem a comprar menos produtos e serviços do que em tempos de "vacas gordas".


Mas, a parte dos fatores macroeconômicos dos quais temos pouco a fazer, já que estão fora do nosso controle direto, existem outras atividades que são igualmente importantes e que estão diretamente ligadas ao dia a dia da sua clinica.


São chamadas de atividades ligadas a microeconomia, aquelas que afetam o seu dia a dia, que modificam a rotina da sua clinica e que, principalmente, estão sobre o seu controle direto.


É sobre essas atividades que você pode interferir que queremos falar hoje.


Quais as ações fundamentais para fazer na sua clinica no inicio do ano?


Vamos listar 3 importantes atividades que todo proprietário de uma clinica médica ou odontológica deveria fazer no inicio de cada ano. Siga conosco!


01 - Orçamento Anual


De forma simplificada, fazer um orçamento anual na sua clinica é uma atividade ligada a listar todas as despesas, receitas, investimentos e dívidas que estão previstas para ocorrem durante os próximos 12 meses.


Seja usando um software apropriado, ou mesmo um planilha do Excel, liste cada custo previsto, cada despesa e uma estimativa de valor.


Assim, como exemplo, uma despesa que ocorre todos os meses é o custo da conta de luz da clinica.


Utilize um valor da média dos últimos 12 meses e acrescente uma projeção de aumento anual, digamos de 10% a 15¨% no custo desse insumo e lance esse valor como uma previsão de custo mês a mês de Janeiro a Dezembro.


Repita em cada linha da sua planilha a mesma projeção para todas as despesas previstas, tais como: Água, telefone, internet, folha de pagamento, investimentos em marketing, manutençao e troca de equipamentos, etc.


Se você planeja investir ao longo do ano, seja em equipamentos, reformas, mudança de ponto, aquisição de um equpamento ou qualquer outro item, liste-os em linhas separadas da sua planilha orçamentário alocando o devido valor no mês de desembolso previsto.


Mas o orçamento anual não se baseia apenas em despesas e custos. Ele também se propõe a fazer um projeção das vendas para o ano que se inicia.


Essa previsão de vendas pode ser baseada nas vendas do ano anterior, ou se está começando uma nova clinica ou unidade, basear-se em pesquisa de potencial de mercado.


Aliás, o orçamento precisa ser o mais realista possível. Sempre que pensar em projetar uma despesa, um custo ou faturamento, lembre-se de calcular o valor mais pessimista, o mais otimista e, por fim, o realista.


Enfim, o orçamento empresarial é uma ferramenta fundamental para dar um norte do que a sua clinica vai gerar e despender de recursos ao longo de um ano.


02 - Avalie o mercado


Toda clinica esta inserida em um mercado. Esse mercado é composto pelos seus concorrentes diretos, ou seja, aqueles que fazem o mesmo serviço que sua clinica, o indiretos, ou também conhecidos com subistitutos, que fazem serviços ou vendem produtos diferentes do seu, mas que de alguma forma competem por parte do dinheiro do seu potencial paciente.


Aproveite para fazer uma análise do seu entorno. Existem clinicas novas? O que os meus concorrentes estão fazendo? Que atividades eles executaram melhor do nós no último ano? E o que fizemos melhor do que eles?


Olhe para os seus atuais e potencias clientes. Pergunte:se: Sua base de clientes cresceu ou diminuiu nos últimos 12 meses? E seu faturamento? Aumentou ou diminuiu? Qual o ticket médio praticado na sua clinica nos últimos 12 meses? Existe espaço para aumentar esse ticket médio? Que tipo de serviço deveria ser introduzido na sua clinica? Existe alguma oportunidade em aberto que sua clinica não está aproveitando?


Analise o mercado pensando 360 graus. Isso significa olhar para dentro da sua clinica, perceber suas forças e fraquezas, avalie se sua equipe esta bem dimensionada, se você comunica bem com seu mercado.


Avalie também que são seus fornecedores e parceiros comerciais. Vocês estão extraindo todo o potencial possível destes relacionamentos?


Olhe para a concorrência buscando aprender com os erros e acertos que eles cometeram nos últimos 12 meses.


Avalie se o seu mercado local, por exemplo, implantes em uma clincia odontológica está estagnado, diminuindo ou crescendo.


Agora dê um "zomm out" e verifique se o mesmo mercado está crescendo mais em outros locais. Caso positivo, seria interessante ou viável mudar-se para esse novo mercado?


Da mesma forma, tente identificar padrões de comportamento dos pacientes, seja por leitura, conversas ou mesmo observação direta.


O que os pacientes mais procuram hoje em dia? Onde eles estão procurando? Quanto estão pagando por esses serviços? Existe espaço para você entrar nesse mercado?


Analisar o seu mercado deve ser uma atividade constante, porém a cada ínicio de ano torna-se fundamental revisar os fundamentos do seu mercado de forma a validar as premissas básicas do mercado.


03 - Hora de revisar seus preços


A grande maioria dos profissionais de saúde não sabe calcular seus preços de serviços.


Eles se baseiam na tabela de serviços de colegas ou na média do mercado. Mas você não quer estar na média. A média significa ser mediocre. E você não é mediocre.


Existe uma forma certa de calcular preços de serviços. Por hora basta saber que o preço final de um serviço deve conter 4 componentes:


01 - Os custos fixos

02 - Os custos variáveis

03 - As despesas

04 - O percentual de lucro desejado.


Não vamos detalhar nesse artigo como calcular o preço de um tratamento odontológico ou o preço de um procedimento médico. Isso é temas para outros artigos.


Nesse momento concentre-se no fato de que milhares e milhares de reais vão embora da sua clinica por falta de uma contabilidade correta na precificação dos seus serviços.


Conclusão


Existem muita nuvens escuras no céu do empreendedor da área de saúde do Brasil no ano de 2022.


Em um ano de tantas incertezas torna-se cada vez mais importante fazer um bom planejamento inicial para não se perder durante o ano.


Se precisar de ajudar para fazer um bom plano estratégia para sua clinica, entre em contato e converse com um de nossos especialistas.


Senior Consultoria

Gestão, marketing e vendas para médicos e dentistas

+55 (11) 3254-7451

atendimento@seniormarketing.com.br



0 comentário